conecte-se conosco

Geral

Taxista é preso acusado de abusar de passageira, em Manhuaçu

Avatar

Publicado

em

Um taxista de 33 anos foi preso pela Polícia Civil de Manhuaçu, na manhã dessa terça-feira (8), em cumprimento de Mandado de Prisão Preventiva, expedido pelo Juiz Alexandre de Almeida Rocha, da 2ª Vara Criminal da Comarca de Manhuaçu (MG).

O taxista foi acusado de abusar de passageira que solicitou uma corrida, após uma festa no Centro de Manhuaçu, no início de julho. “Foram cerca de 30 dias desde o início das investigações, quando a vítima procurou a delegacia alegando que após contratar o serviço do taxista, juntamente com uma amiga, que desembarcou primeiro. Quando chegou ao seu destino, acordou com taxista passando as mãos em suas partes íntimas e agarrando-a com força”, explica a Dra. Adline Ribeiro, Titular da Delegacia Especial de Crime contra a Mulher.

Ainda, de acordo com a Delegada, após a denúncia, a vítima foi encaminhada à Unidade de Pronto Atendimento de Manhuaçu, onde o laudo médico comprovou hematomas nos braços da mulher. “De acordo com o laudo médico, as marcas condizem com depoimento da vítima, quando ela disse que foi agarrada e impedida de sair do veículo, tendo cessado somente quando um vizinho da vítima saia para trabalhar e o taxista assustou com o portão se abrindo e soltou a mulher”, relata.

O inquérito foi instaurado e apresentado ao Ministério Público, sendo acatado pela Promotoria que pediu pela prisão preventiva do suspeito, sendo expedita e cumprida a ordem judicial na manhã dessa terça-feira.

Dra. Adline foi taxativa quanto à ação isolada do taxista. Segundo ela, a maioria dos taxistas da nossa região são pessoas corretas e exercem dignamente a função. “A gente vê nos taxis um meio de transporte seguro e confiável. Por isso, nos empenhamos em dar uma resposta rápida nesse caso. Da mesma forma que os taxistas têm que se precaver ao pegar um passageiro, a pessoa que contrata o serviço tem que ser tratada com dignidade; repito, a ação deste taxista não representa o trabalho da maioria dos profissionais da categoria”, completa.

O taxista foi preso e encaminhado ao Presídio de Manhuaçu onde ficará à disposição da Justiça.

Com informações de Jailton Pereira – portalcaparao.com.br

Brasil

Segunda vítima do novo coronavírus em Minas morreu três dias depois da internação, diz hospital

O homem de 66 anos tinha cardiopatia e diabetes. Minas Gerais tem 275 casos confirmados.

Vinicius Silva

Publicado

em



Minas Gerais tem 275 casos confirmados da doença — Foto: Getty Images

 

O homem de 66 anos tinha cardiopatia e diabetes. Minas Gerais tem 275 casos confirmados.

O homem de 66 anos que morreu vítima do novo coronavírus em Belo Horizonte ficou três dias internado. De acordo com o Hospital Semper, ele chegou na última sexta-feira (27) em estado grave e foi direto para o Centro de Tratamento intensivo (CTI).

O paciente, que não teve o nome divulgado, tinha cardiopatia e diabetes. Ainda segundo o hospital, todo o protocolo de tratamento da covid-19 foi seguido, mas ele não resistiu e morreu nesta segunda-feira (30).

Esta foi a segunda morte por novo coronavírus confirmada em Minas Gerais pela Secretaria de Estado de Saúde.

O homem ficou em isolamento durante todo o período em que esteve na unidade. O número de leitos do Semper, que é um hospital particular, passou de 30 para 48 na tentativa de atender os pacientes com covid-19.

Minas Gerais tem 275 casos confirmados da doença e 34.224 casos suspeitos. Além disso, outras 40 mortes estão em investigação no estado.

Coronavírus: infográfico mostra principais sintomas da doença — Foto: Foto: Infografia/G1

Coronavírus: infográfico mostra principais sintomas da doença — Foto: Foto: Infografia/G1

Fonte: https://g1.globo.com/



Continue lendo

Brasil

Casos de coronavírus no Brasil em 31 de março

5.812 infectados em todos os estados e 202 mortos.

Vinicius Silva

Publicado

em



Secretarias estaduais de saúde contabilizam 5.812 infectados em todos os estados e 202 mortos.

As secretarias estaduais de Saúde divulgaram, até as 22h00 desta terça-feira (31), 5.812 casos confirmados do novo coronavírus (Sars-Cov-2) no Brasil.

O governo do Amazonas confirmou a terceira morte no estado e em Minas Gerais constatada a segunda morte pela doença. A primeira morte também foi confirmada em Alagoas. No começo da tarde, a Paraíba confirmou a primeira morte. O Distrito Federal registra três casos fatais da Covid-19 e o Mato Grosso do Sul teve seu primeiro caso. Pernambuco confirmou sete mortes. Com isso, chega a 202 o número de mortos pela Covid-19 no país. São Paulo registra 136 mortes e o Rio de Janeiro tem 23 casos fatais da doença.

O governo do Pará também atualizou os números nesta manhã e agora são 32 casos da doença no estado. Minas Gerais tem 275 casos confirmados e subiu para 10 o número de casos no Amapá. O governo de Sergipe confirmou mais dois casos nesta terça e Pernambuco chegou aos 87 casos confirmados.

O Rio Grande do Sul atualizou o número de casos para 305. Goiás chegou a 65 casos e o Rio Grande do Norte tem 82 infectados pela doençaBahia tem 217 casos confirmados, o Distrito Federal tem 333 e Santa Catarina registra 235 casos.

Ministério da Saúde atualizou seus números nesta terça-feira (31), informando que o Brasil tem 201 mortes e 5.717 casos confirmados de coronavírus.

O avanço da doença está acelerado: foram 25 dias desde o primeiro contágio confirmado até os primeiros 1.000 casos (de 26 de fevereiro a 21 de março). No entanto, os outros 2.000 casos foram confirmados em apenas seis dias (de 21 a 27 de março).

Fonte: https://g1.globo.com/



Continue lendo
Publicidade

Facebook

Siga-nos

Publicidade

Mais lidas