conecte-se conosco

Notícias

Liminar afasta Prefeita e de Secretária de Cultura de Manhuaçu MG, veja por quê

Avatar

Publicado

em

Cici Magalhães, Prefeita

A Justiça de Manhuaçu concedeu liminar determinando o afastamento da Prefeita Cici Magalhães nesta quinta-feira, 24/10. Na decisão, o juiz Dr. Walteir José da Silva determina que a Câmara de Vereadores emposse o vice-prefeito Renato da Banca no cargo de chefe do Poder Executivo. O ato deve ocorrer nesta sexta-feira. A ação de improbidade administrativa é relacionada às investigações do Ministério Público sobre denúncias de irregularidades na realização da Feira da Paz de 2017.

A liminar solicitada pelo Ministério Público na Ação Civil Pública por ato de Improbidade Administrativa pediu afastamento de alguns dos réus dos cargos públicos, intervenção judicial, quebra de sigilo bancário e fiscal e indisponibilidade de bens.

No final da tarde desta quinta, o Poder Judiciário publicou decisão concedendo alguns dos pedidos. O Juiz Dr. Walteir José da Silva determinou o afastamento da Prefeita Cici Magalhães do cargo e também da Secretária de Cultura e Turismo Gena Clara Gil Alcon. Em seguida, determinou que fosse comunicada a Câmara Municipal para que adote os procedimentos para a posse do vice-prefeito Renato Cezar Von Randow no cargo de prefeito.

Além dessas medidas, o magistrado proibiu que as empresas LO Teixeira, S Hespanhol Produções e Eventos e Paradinha Eventos e Margem Produções e Eventos, bem como os empresários Jairo Cassio Teixeira, Wanderson Teixeira, Luiza Teixeira, Lucas Devanier, Robson Colombo, Silvani Hespanhol, Silvio Barbosa, Emerson Amorim e Érica Marli possam participar de licitações e contratar com o poder público, até o fim do processo.

Por fim, a liminar determina a indisponibilidade de todos os bens móveis e imóveis dos réus, com as comunicações a bancos, cartórios e Detran, além de quebrar o sigilo fiscal e bancário deles.

A decisão liminar cabe recurso ao Tribunal de Justiça.

OPERAÇÃO PAZ E JUSTIÇA

Em dezembro de 2017, o Ministério Público deflagrou a operação Paz e Justiça com o objetivo de investigar notícias sobre a existência de irregularidades na 38ª Feira da Paz e 2ª Expo Agro de Manhuaçu, ocorridas nos dias 2, 3 e 4 de novembro daquele ano.

Em setembro, o Ministério Público de Manhuaçu ingressou com Ação Civil Pública por ato de Improbidade Administrativa pois teriam sido constatadas irregularidades no procedimento licitatório Pregão Presencial nº 73/2017, relativo à contratação de empresa para prestação de serviço de organização e realização do evento promovido pela Prefeitura de Manhuaçu.

De acordo com as investigações, entre outras condutas, haveria indícios de fraude que inviabilizou o caráter competitivo da licitação, a partir de expedientes ilícitos, com a participação da Empresa Margem Produções e Estruturas Ltda. e outras. Apura-se ainda o envolvimento de funcionários públicos municipais.

Na época, a Justiça de Manhuaçu autorizou a busca e apreensão de documentos, computadores e celulares de investigados, bem como expediu dois mandados de prisão temporária. Foram cumpridas buscas e apreensões na Prefeitura de Manhuaçu e nas residências dos investigados nas cidades de Manhuaçu, Caputira, Abre Campo, São José da Lapa e Engenheiro Caldas, em Minas, e em Iúna e Venda Nova do Imigrante, no Espírito Santo.

Segundo denunciado, o município de Manhuaçu operou gastos com a festa Feira da Paz no valor aproximado de R$ 265 mil em despesas com o contrato feito com a empresa Margem, vencedora da licitação, além da contratação direta no valor total de 460 mil em shows artísticos musicais dos artistas: “Zé Neto e Cristiano”, “Trio Parada Dura” e “Bruno e Marrone”.

A operação foi denominada Paz e Justiça, porque a paz é fruto da justiça social, e justiça social é obtida por meio da correta aplicação das verbas públicas e combate à corrupção pelos órgãos públicos constitucionalmente investidos para este fim.

Com Informações Portal Caparaó

Notícias

Dois jovens morrem em acidente entre três motos na rodovia Manhuaçu – Luisburgo

Avatar

Publicado

em

MANHUAÇU / LUISBURGO (MG) – Lucas Henrique Viana, 26 anos, e Tauan Gabriel da Silva, 17, morreram num acidente envolvendo três motocicletas, na LMG 838 estrada que liga Manhuaçu a Luisburgo.

A colisão ocorreu na região do Córrego dos Hott, na divisa dos dois municípios na noite deste sábado para domingo, 16/02.

Um adolescente de 16, que pilotava a terceira moto, foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros à UPA (Unidade de Pronto Atendimento) de Manhuaçu.

Em conversa com a equipe da Polícia Militar Rodoviária, o adolescente disse que ele e Tauan, uma das vítimas fatais, estavam disputando uma corrida. Numa curva Tauan invadiu a contramão e bateu de frente com a moto que vinha sentindo contrário.

Tauan e o piloto da outra moto: Lucas Henrique morreram no local. Esse motociclista de 26 anos era morador do bairro Santana, em Manhuaçu,.

A Polícia Militar Rodoviária realizou o registro da ocorrência e as multas de trânsito relacionadas ao caso.

Após os trabalhos da perícia da Polícia Civil, os corpos foram liberados para a funerária e os veículos removidos para desobstrução da pista.

Registraram a ocorrência Sargento Emerick e Cabo Isaac.

Com informações do Jailton Pereira Portal Caparaó

Continue lendo

Brasil

Raul Soares com novas enchentes e até Alerta Máximo Cheia do Rio

Raul Soares é novamente atingida pelas fortes chuvas e parte da população tem que sair de casa com risco de inundação

Vinicius Silva

Publicado

em

Raul Soares é novamente atingida pelas fortes chuvas e parte da população tem que sair de casa com risco de inundação

Nesta quinta feira dia 13 além da cidade já sofrer com as fortes chuvas atingindo vários bairros na cidade teve Alerta Máximo em serviço de carro de som por parte da Prefeitura e Defesa Civil que foram notificadas da liberação das comportas pela usina que já estavam em seu limite como mostra o carro de som no vídeo abaixo.

Fonte: “WhatsApp” filmado por morador de Raul Soares.

Seguinte texto do carro de som:

“O nível do rio vai subir, pedimos a todos que deixem suas casas procurem abrigo em local seguro pode ser na Capela santo Antônio na Maçonaria ou casa de amigos ou parentes preserve o seu maior patrimônio ALERTA MAXIMA A Prefeitura Municipal e a Defesa Civil Receberam informação da represa que não tem como segurar mais água”

Ao que parece uma tromba d’agua que atingiu várias cidades de minas como Amparo do Serra, Ponte Nova, Rio casca e Sericita elevou o nível de vários rios na região e inundou várias ruas em várias cidades.

Raul Soares aparenta ser a mais atingida mais uma vez.

Continue lendo
Publicidade

Facebook

Siga-nos

Publicidade

Mais lidas