conecte-se conosco

Entretenimento

Cantora Adele cancelou shows em Londres

Avatar

Publicado

em

Cantora Adele cancela shows em Londres por problemas nas cordas vocais

Cantora Adele cancelou os últimos dois shows de sua turnê mundial mais recente por conta de problemas nas cordas vocais. As apresentações aconteceriam no sábado (1º) e no domingo (2) no Wembley Stadium, em Londres, onde ela já havia subido ao palco na quarta-feira (28) e na quinta (29).

Adele avisou do cancelamento com uma nota em seu perfil oficial no Twitter. Ela diz que “as últimas duas noites em Wembley foram os maiores e melhores shows da minha vida”, mas que teve de lutar com sua voz em ambas as noites.

“Por recomendação médica estou simplesmente incapaz de me apresentar neste final de semana. Dizer que estou de coração partido seria um eufemismo completo. Eu já estou lotada de esteróides e apoios para minha voz. Considerei fazer o show de sábado, mas é altamente improvável que eu consiga completar a apresentação e simplesmente não posso desabar na frente de todos vocês. Estava tão desesperada que até considerei fazer mímica, apenas para estar na frente de vocês e com vocês. Mas nunca fiz isso e não posso em um milhão de anos fazer algo assim com vocês”.

Na nota, Adele diz que escreve logo após a decisão de cancelamento ser tomada e que, por isso, não sabe dizer se os shows serão remarcados.

Despedida de gala

A programação de quatro shows em Wembley era chamada de “The Finale” e marcava o final da turnê mundial de 18 meses de Adele em meio a insinuações de que a cantora deixaria de se apreseatar ao vivo.

No período, ela visitou Europa, América do Norte, Austrália e Nova Zelândia. Em Los Angeles, bateu um novo recorde ao esgotar os ingressos para oito shows consecutivos no Staples Center.

As apresentações do “The Finale” seriam usadas para arrecadar fundos para as vítimas do incêndio que destruiu a Grenfell Tower, na capital britânica, cidade natal da cantora Adele. Segundo a revista “Variety”, a cantora pediu aos fãs que doem 5 libras (pouco mais de R$ 20) aos esforços de ajuda.

Com informações do G1

Continue lendo
Publicidade

Brasil

Bloco Amigos da Onça e Bloco Queijo balançaram o carnaval de Raul Soares

O carnaval de Raul Soares vem superando as dificuldades impostas pelas recentes enchentes que assolaram a cidade

Vinicius Silva

Publicado

em



O carnaval de Raul Soares vem superando as dificuldades impostas pelas recentes enchentes que assolaram a cidade e ameaçaram o evento. Mesmo sem trio elétrico e investimento público, a festa está acontecendo desde sexta-feira (21). No final de semana, os blocos Amigos da Onça e Queijo garantiram a folia no centro da cidade.

Na sexta-feira (21), apesar de chuva, a população e os turistas foram às ruas para prestigiar o desfile do Bloco do Samba e a apresentação de DJ Brinks, no palco principal.

Bloco Amigos da Onça

A tarde do sábado (22) fez Raul Soares ferver. Turistas de diversas cidades do estado se juntaram aos nativos e lotaram o bloco. Em seu quarto ano de existência, o Bloco Amigos da Onça trouxe várias atrações que garantiram a folia.

A principal, o mineiro MC Rick, foi o primeiro a se apresentar. O funkeiro, muito aclamado na região, fez grande show e levou os foliões à loucura. Após isso, a banda de Axé Muito Mais e os DJ’s Duarth e Tavia Ferman continuaram a festa.

View this post on Instagram

❤️❤️❤️ #carnaval2020

A post shared by Rick (@mcrick) on

Ainda no sábado, mas durante à noite, o Bloco Cobra tomou a avenida com som automotivo. No palco principal, a atração foi o cantor Matielle Fabreti.

Bloco Queijo

Com mais de 10 anos de história e tradição, o Queijo fez jus a sua fama e promoveu um grande evento. Mesmo sem o trio elétrico, por conta da saída da Prefeitura Municipal da organização, o bloco reuniu diversas pessoas em concentração fechada na tarde do domingo (23).

A responsabilidade de agitar os foliões ficou por conta da banda de axé Kigingado, DJ Marlon Santana, além de MC DuBlack, um maiores cantores de funk do país na atualidade.

À noite, a banda Fuzuê se apresentou no palco aberto ao público geral.

Ainda restam dois dias de “CarnaRaul”. Nesta segunda-feira (24), haverá o Baile do MS e o Bloco Desesperadas, além de show com o cantor Rômulo Santos. Na terça-feira, Lincoln Lanna fechará o evento.

Fonte: https://maisminas.org



Continue lendo

Entretenimento

Musa da Sossego chamada de ‘feia’ em rádio comenta: ‘Mulher tem que ser respeitada’

Avatar

Publicado

em

‘Temos que acabar com esses paradigmas, chega das mulheres ficarem acorrentadas a um padrão. Eu me amo’, diz Michelly Boechat, que apostou em um maiô cavadíssimo.

Michelly Boechat, musa da Acadêmicos do Sossego, chamou atenção no Setor 1 com um maiô cavadíssimo e sua boa forma. Mas há cerca de um mês passou por um episódio de bullying que quase tirou sua vontade de desfilar.

A morena foi chamada de ‘feia’ e recebeu comentários críticos sobre sua aparência em um programa de rádio. As declarações geraram polêmica e acabaram até tirando o quadro do ar.

“Já passou, joguei isso para o universo. Mas tive que colocar a boca no trombone. Mulher tem que ser respeitada! Não existe mulher feia. Temos que acabar com esses paradigmas, chega das mulheres ficarem acorrentadas a um padrão. Eu me amo. Sei meus defeitos, mas amo até as minhas imperfeições”, afirma.

Questionada que recado deixaria para as mulheres, Michelly diz: “Se aceitem do jeito que são. Temos que gritar e dizer que chega, temos que lutar. Unir forças ao invés de ficar umas contra as outras”.

Michelly Boechat, Musa do Acadêmicos do Sossego, é clicada por fotógrafos na Sapucaí — Foto: Marcos Serra Lima/G1
Michelly Boechat, Musa do Acadêmicos do Sossego, é clicada por fotógrafos na Sapucaí — Foto: Marcos Serra Lima/G1


Fonte: Juliana Maselli, G1.globo.com Rio

Continue lendo
Publicidade

Facebook

Siga-nos

Publicidade

Mais lidas